Queijo cheddar: o queridinho dos sanduíches




Queijo cheddar: o queridinho dos sanduíches

Ele é bem tradicional nos sanduíches das grandes redes de fast food e está presente em vários pratos e petiscos, como a batata frita, por exemplo. Pois é, mas se o cheddar é um queijo bem conhecido da maioria das brasileiros, a sua história não segue o mesmo caminho: como vários outros queijos, o cheddar recebeu seu nome pelo local de origem, na Vila Cheddar, em Somerset, na Inglaterra. Estima-se que tenha surgido há cerca de um milênio, por volta do século XII, pela necessidade de usar o leite excedente, possivelmente na tentativa de recuperar alguma massa que já estivesse coalhada. Definido como “pai do queijo cheddar”, é creditado à Joseph Harding a criação da fórmula que permitiu a produção desse queijo.

Foi com o início da chamada Era das Navegações e o Descobrimento da América por Cristóvão Colombo, que o cheddar saiu do Reino Unido para se espalhar pelo mundo. Tornou-se o queridinho dos americanos e canadenses. Por não ter origem controlada, há muita divergência em relação a suas características, fazendo com que algumas pessoas acreditem que o cheddar trata-se daquele recheio cremoso e de cor alaranjada forte, por exemplo. No entanto, a versão mais consumida mundialmente é o cheddar processado, cuja produção consiste num método industrial feito de maneira automatizada, produzindo um queijo de formato retangular com uma maturação homogênea em toda a superfície, sem crosta.

 

Como consumir o queijo cheddar além do comum?

O tradicional Mac'n'cheese, o macarrão com queijo americano, é feito com massa caracol envolvido num molho a base de queijo cheddar e parmesão. Gratinado em sua superfície, essa receita por si só pode ser servida como prato principal. Mas se tem algo que também combina muito bem é batata: frita, assada, cozida… A sintonia entre batata e cheddar é sensacional e é impossível não amar! Experimente misturar peito de frango desfiado cozido com cheddar cremoso e cebolinha para rechear batatas assadas. E porque não uma lasanha de batata com cheddar? Para isso, é só trocar a massa por batata assada e ir divindo a montagem da lasanha com camadas de um cremoso molho de cheddar. E já pensou em inovar com um pão de queijo cheddar?

Talvez a gente tenha pegado um pouco pesado no parágrafo anterior, admitimos! São todas opções saborosíssimas, mas é para comer com a mão na consciência, não é mesmo? Se já está ficando difícil manter-se na linha, a gente indica algumas receitas mais saudáveis, substituindo a batata pelo brocólis, uma opção bem menos calórica e que combina muito bem com o nosso amado queijinho! Uma sopa cremosa de chedddar e brocólis é ótima pedida para as noites frias, enquanto o Miniquiches de Cheddar e Cream Cheese Ipanema não leva farinha de trigo, e é uma receita rápida, que rende de 36 a 48 porções, garantindo um lanchinho para o fim de semana sem abrir mão da dieta. Mas e você, como gosta de comer queijo cheddar? Conta pra gente aqui nos comentários!

 

 


Gostou da matéria? Deixe seu comentário!


* Todas as informações contidas nesse post foram baseadas em matérias de jornais, revistas e/ou sites jornalísticos


Postado em 19 Setembro 2019


Comentar

Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar este post!

Esse espaço é exclusivo para você que não abre mão de apreciar um bom queijo.

Aqui você vai encontrar matérias e dicas relacionadas a esse universo delicioso, tudo para tornar a degustação do seu queijo mais saborosa e com muito mais conteúdo.

#DescubraEsteMundo com a gente!


Descubra esse Mundo

Cadastro de E-mail

Inscreva aqui seu e-mail e
descubra este Mundo:

Atendimento ao consumidor Queijos Ipanema
Tel: 11 3787-2300
atendimento@queijosipanema.com.br